• TRAMA DO FÓRUM

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

• TRAMA DO FÓRUM

Mensagem por Ilúvatar em Sex Set 05 2014, 20:18


Trama Central

Da formação de Arda

"Quando tudo era escuridão e vazio, havia um ser onisciente que vivia sozinho na vastidão. Seu nome era Eru, que posteriormente seria chamado de Ilúvatar pelos elfos. De seus pensamentos elementares, surgiu a raça dos ainur e sua Chama Imperecível, e com isso deu-os a vida eterna.

Eru criou o Hall Eterno para os ainur habitar, e à eles ensinou a música e canções. Das músicas entoadas pelos ainur, um coro celestial deu visão à um mundo esférico girando no vazio. Várias e bonitas eram todas as canções de todos os ainur, e Melkor, o mais poderoso entre eles, era o único que se destoava das canções e criava partituras para si mesmo.

Os cantos de Melkor espalhavam a discórdia e plantavam dúvidas na cabeça dos ainur. Então um dia, quando Eru usou sua Chama Imperecível para dar vida à visão do coro celeste, Arda nasceu e Melkor trouxe para seu lado muito dos maiar, espíritos ainur menores. Os maiores, chamados de valar, desceram à Arda com o intuito de dar forma à grande canção dos ainur. Eles contavam quatorze, sete homens e sete mulheres, já que Melkor não era mais considerado um vala.

Primeiro, havia Manwë: O vala que agitou a atmosfera e criou os ventos. Era o senhor de tudo que planava nos céus, e o maior entre os ainur com a exceção de Melkor. Varda foi quem criou as estrelas, a mulher de Manwë. E Ulmo foi quem preencheu as terras com oceanos, e Yavanna com a vegetação, e Aulë com montanhas e tudo de precioso que havia embaixo delas. Com isso, deu início à Era dos valar em Arda, que durou incontáveis anos em cronologia mortal.

Melkor, com inveja de Eru e de tudo que ele criara, resolveu se opor à ele e aos ainur. Assim, como não podia possuir a luz, desceu à escuridão de Arda e se corrompeu. Sua vontade trouxe pântanos, escuridão, criatórios de moscas, criaturas com presas de marfim que tingiam a superfície de sangue, e as tornou seus servos. Pouco demorou para que Melkor, na Terra-Média, ficasse agitado. Então ele atacou Valinor, a casa dos valar, pela primeira vez: e destruiu muitas construções, transformou os pastos de Yavanna em florestas escuras, mas recuou. Manwë, o rei dos valar, então ergueu as maiores montanhas já vistas em toda Arda. Ele separou os dois continentes: Terra-Média e Terras Imortais, e disse que Aman seria sua casa.

A partir daquele dia, Melkor ficou conhecido como Morgoth, o Senhor do Escuro, e seu nome era sussurrado temerosamente pelos elfos de Valinor."

Dos Primogênitos e filhos de Aulë

"Aulë estava impaciente com Eru, pois ele prometera tornar Arda habitável com uma nova espécie, e por anos isso não aconteceu. Por isso, escondeu-se em suas montanhas e criou em segredo pequenos hominídios, já que a visão que tivera dos Primogênitos era muito vaga. Assim, ao saber disso, Eru repreendeu Aulë com palavras grossas, e Aulë decidiu desfazer-se de sua obra de tão arrependido que estava.

Ao levantar seu machado contra seus filhos, eles ficaram com medo e se esconderam. Então Eru ordenou que detivesse seu golpe, pois as criaturas ali eram vivas. Assim, ele falou: — Não vê que essas criaturas possuem vontade própria, senão não fugiriam de vosso machado? Pois então, eu permitirei que habitem Arda, mas jamais andarão sobre a superfície antes de meus Primogênitos. E, como feito sob as montanhas, verão mais valor no que há abaixo da terra do que na superfície: se tornarão ferreiros e escavadores, e terão coração tão duro quanto as pedras que polirem. Naturalmente, se desentenderão com meus filhos, e haverá muita guerra entre os filhos de Aulë e os filhos de Eru.

Então colocou os primeiros anões para dormir, e eles só acordariam após os Primogênitos serem despertados."

Da Primeira Era

"Quando os primogênitos finalmente despertaram, Oromë - o senhor das florestas - encontrou-os enquanto caçava as criaturas que Melkor deixara vagando ao redor do mundo. Ele reuniu e guiou todos os elfos que encontrou, e levou-os para Aman na grande marcha do oeste. Os relutantes, os Avari, permaneceram na Terra-Média, enquanto os outros chegaram até as grandes construções de Valinor, a casa dos valar.

Nessa época, Yavanna já tinha plantado Telperion prateada e Laurelin dourada, que iluminavam todo o continente de Aman. Pois, conforme Telperion prateada perdia seu brilho, Laurelin dourada ficava estonteante: e assim faziam revezadamente, cronometrando horas e dias a partir do brilho das duas árvores de Valinor.

Oromë chegou com os primogênitos de Eru e ensinou eles a caçar. Muito os elfos aprenderam com os valar e maiar, e muitos adquiriram várias habilidades em diversos ofícios. E então, a sombra de Melkor voltou. O Senhor do Escuro era poderoso e dominava uma boa parte de Beleriand, e a mantinha como seus domínios. Os Avari, que lá ficaram, seriam a frente de batalha contra os primeiros ataques de Morgoth contra Valimar: enquanto isso, os valar preparavam os elfos para uma verdadeira guerra."

administração

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum